Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2016

esperanças pra um futuro próximo

Imagem
Eu espero que, com o passar dos anos, eu me torne alguém cada vez mais sensível à vida. Que o tempo não me faça perder o encanto pelos pequenos prazeres, como ouvir boa música, ler alguns livros, ter tempo de qualidade com as pessoas que amo, escrever, dançar, prestar atenção no pôr do sol, olhar os passarinhos, ter disposição pra fazer o que me dá alegria.

Sempre consciente de toda a minha fragilidade, que sou pó da terra e nada mais.
Que eu saiba aplicar tudo o que já vivi em conselhos sensatos e moderados. Que o tempo jamais me roube a capacidade de encanto. Eu espero que, daqui há muito tempo, ao fazer um balanço da minha vida, eu possa constatar que consegui ser eternamente responsável por aquilo que cativei.

Tempo, meu amigo
Seja gentil
Eu conto contigo!

E no momento, o que eu mais quero é saber encarar com leveza e riso todos os meus despropósitos.


Dorothy, vamos dormir

Imagem
A bruxa má do oeste ainda não foi embora.
A estrada de tijolos amarelos chegou ao fim.
O mágico é um farsante.
E o meu Kansas ainda continua muito longe.
Onde se rebobina o furacão?
Os sapatinhos vermelhos estão gastos.
E meus pés estão cansados.
Só me resta o campo de papoulas.