Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2015

Eu quero ser como a Lúcia

Imagem
Vivo na esperança e expectativa do dia em que verei o País de Aslam. Quando tudo que é passageiro passará e a vida não terá mais limitações. Quando a noite cair sobre o mundo e o Imperador-de-Além-Mar se revelar em toda a sua majestade. Quando sons de trombetas ecoarem anunciando o caminho pra Nova Nárnia. Um lugar onde não haverá dor, nem choro, nem fome, nem miséria, nem sofrimento, nem falta de amor. Um lugar onde todos seremos iguais, sem distinções, sem diferenças, só a essência de que todos somos um Nele. O dia em que finalmente, começaremos o Capítulo Um da Grande História, a história que continua eternamente, onde cada capítulo é sempre melhor que o anterior. Pelas Jubas do Leão! Que dia lindo vai ser!


Para inspirar: Quarto de criança

Imagem
Eu amo decorações criativas e diferenciadas, e quem não gosta né?!
Andei olhando umas ideias de decor pra quarto de criança. Como vai demorar ainda pra eu ter um bebê, eu só fico separando referências e babando nos quartos lindos e fofos que encontro no Pinterest.
Resolvi compartilhar com vocês algumas ideias pra quarto infantil, e caso tenha alguém por aqui que esteja planejando a chegada de um bebê, aí vai algumas ideias lindas pra você se inspirar.
No fim do post, tem uma listinha de onde encontrar produtos legais pra fazer um quartinho fofo como esses *-*




1- Prateleira nuvem 2- Quadrinhos 3- Cabana 4- Balanço 5- Almofadas 6- Baú

Daqueles textos que nos desconcertam

Imagem
Ainda há coisas que valem a pena ler no Facebook.
Esse texto me deixou muito desconcertada e reflexiva. Porque eu quero ler a bíblia sempre pela luz da verdade, que constrange causando arrependimento e transformação. Que me quebra e me reconstrói. Que me torna sal da terra e luz do mundo.
Eu quero um coração puro e bondoso, e uma fé que enxergue com clareza!!





"Ler a bíblia com um olhar mundano nos afasta de uma interpretação sagrada. Ler a bíblia ignorando as realidades do nosso mundo nos afasta de uma prática relevante. Precisamos de olhos santos e mãos engajadas, de um coração puro e pés dispostos a sujarem-se na busca pelos excluídos.
Alguns corromperam suas leituras por causa do poder, da respeitabilidade, da tradição, ou da imoralidade. Apreciam as escrituras na medida em que estas satisfazem seus desejos carnais, ou confirmamas teses onde apoiam a sua identidade. Felizes os que, reconhecendo suas tentações, pecados e limitações humanas, debruçam-se sobre o texto divino procurand…

"Sou quem sou. Não o que dizem sobre mim."

Imagem
Trilha sonora: Mais - Os Arrais


"O grande valor da opinião alheia sobre nós nos faz acreditar que somos o que alegam que somos. O olhar do outro reflete em nós como um espelho que adentra sem pedir licença "traçando a nossa autoimagem"como se fôssemos aquilo que lançam em nós. E quando nos damos conta, estamos como vítimas desesperados por realmente ser o que as expectativas forasteiras anseiam que sejamos, e o que conta é o que nos contam de nós. Ficamos sem saber a nossa identidade, ficamos cegos. Quem somos, afinal? 
Que os olhares, que os padrões, que as medidas não tampem a essência do que somos. Somos singulares e singular não é padrão. Que a identidade de filho amado se estabeleça em nossos corações, para que mesmo em nossos defeitos possamos nos enxergar e melhorar e nos libertar."
Texto lindo da minha mana,Luísa Santos


Uma poesia só #07

Imagem
"A poesia também é uma catarse.
Ela puxa as palavras do íntimo,
faz a gente falar até das lágrimas.
E é importante escrever sobre si mesmo.
A tinta marcando o papel como se fosse nossa pele. A alma nua diante das palavras. É um caminho de auto-conhecimento. É um caminho de desafogo. Um jeito de tentar ajeitar o que está desajeitado.  Apesar de todo desfalecimento, o poeta vence por que tem a poesia. Mesmo morrendo na luta, suas palavras continuarão resistindo. Elas resistirão ao tempo. Elas sobreviverão porque não envelhecem. A poesia é eterna. E o poeta se eterniza em sua arte."

| Luci Alves |

Eu olhei pra mim

Imagem
Trilha sonora: Eu olhei o meu dia - Palavrantiga

A gente costuma esquecer quem somos e quem deveríamos ser. Esquecemos o quanto necessitamos da Graça e, frequentemente, nos sentimos melhores e maiores do que realmente somos. Quando esquecemos da nossa pequenez, nos tornamos autossuficientes, nos achamos capazes de controlar corretamente os nossos desejos, sentimos que podemos ser totalmente independentes. Destituímos Deus e nos tornamos deuses de nós mesmos. Erramos ao esquecer que nossa natureza é muito terrena e que ela anseia por coisas terrenas, enquanto nossa alma é eterna e grita por coisas eternas.  Há um confronto extremo entre nosso ser carnal e nosso ser espiritual, e estando separados do Espírito Santo nosso lado terreno sempre prevalecerá. Faz parte da nossa natureza amar aquilo que nos mata. Faz parte da nossa carnalidade desejar mais o prazer temporário do que uma vida de privações e renúncias. Faz parte do nosso instinto humano optar por aquilo que é mais fácil. A reali…

País de Aslan

Imagem
Acabou-se o sonho: rompeu a manhã! 
E, a medida que Ele falava, já não lhes parecia mais um leão. E as coisas que começaram a acontecer a partir daquele momento eram tão lindas e grandiosas que não consigo descrevê-las. Para nós, este é o fim de todas as histórias, e podemos dizer, com absoluta certeza, que todos viveram felizes para sempre. Toda a vida deles neste mundo e todas as suas aventuras em Nárnia haviam sido apenas a capa e a primeira capa do livro. Agora, finalmente, estavam começando o Capítulo Um da Grande História que ninguém na terra jamais leu: a história que continua eternamente e na qual cada capítulo é muito melhor que o anterior.



 A última batalha – As Crônicas de Nárnia


Lembrar é preciso

Imagem
"Nunca fui muito de depender. Paciência? Preciso de muita ainda. Mas aprendi a ser dependente de Deus, a entregar minhas causas diante Dele e esperar, paciente, pelo tempo certo de cada coisa. Aprendi a parar de querer resolver tudo do meu jeito, afinal, o jeito de Deus é sempre a melhor escolha. Eu abri meu coração pra essa nova vida. Descobri uma paz que não se acaba mesmo quando as ondas estão sacudindo meu barquinho, e quando tenho medo, Deus me pega pela mão e me vejo andando sobre as águas. Andando acima das dores. Esse caminho é estreito sim, mas é exatamente o tamanho da felicidade. Vale muito!" 


Escrevi esse texto há 4 anos e é tão legal poder lembrar de momentos passados e perceber que eu cresci, amadureci e hoje entendo um pouquinho mais sobre algumas coisas que anos atrás me eram confusas.
Tantas coisas mudaram e, consequentemente, eu mudei. E quando falo sobre mudanças, eu sempre penso que sofrer mutações é dolorido, mas que o resultado sempre vale a pena. Tem um…