Letter

Petrolina, 13 de Dezembro de 2012

"(...)
Eu te desejo muita dança, e sol, e palavras certas, te desejo a certeza Emanuel, Deus conosco, desejo até a eternidade seu afeto a la Jane Austen, desejo risos, desejo Nárnia, desejo que na sua estrada de tijolos amarelos nunca falte um amigo para partilhar o cansaço, desejo os sonhos de José, o andar de Davi, a coragem de Jeremias, a força de Débora, a marca de filho sempre que passar pelo vale de Jaboque, te desejo os cantos Miriã, a convicção de Daniel em não se contaminar, a obediência de Oséias, a amizade que Abraão desfrutou, o conhecimento de Paulo, te desejo a animosidade de Calebe e a paciência para suportar a fraqueza alheia tal qual Barnabé. Te desejo a persistência da mulher cananéia, o zelo de Neemias sobre as coisas do Senhor. Te desejo o céu que Estevão viu, que as tuas orações marquem essa geração como Jabes. Te desejo a paz que o madeiro trouxe. Te desejo ousadia para entrar com frequencia no Santo dos Santos. A cortina foi derrubada podemos nos achegar e achar graça em momento oportuno. Eu desejo que os teus tesouros estejam bem escondidos no céu e que o colo do Aba seja um lugar de conforto e descanso."

Com grande efeito, tuas cartas tem me trazido calorosos abraços!
God Bless, Mi.

Comentários

Mi ma disse…
Esqueci de te desejar que uma grande dose de óleo curativo caia sobre o Rio Grande do Sul. Te desejo o bálsamo de Gileade.

Receba meu abraço forte e guarde um pouquinho da minha saudade com você.

Postagens mais visitadas