Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2012

Retórica

Imagem
Eu quero café preto com pão doce. Quero livros, muitos e só os melhores. Eu quero o amor do meu lado. Quero alguns poucos alvos de afeto. Quero peculiaridades. Eu quero filmes. Sim, eu quero sonhos! E tudo sem prazo de validade.

Por falar de esperança

Imagem
" Sei que me sinto o Homem de Lata, com um coração inoperante, umas histórias tristes pra contar, alguns enferrujados, mas com uma fé louca de que posso me encontrar com alguém maior e ser gente." 
Carta de Ailma, em 27 de Agosto de 2012.

Quero viver...

Imagem
Dia 19 de outubro, uma sexta de rodoviária. Anne Elliot como companhia. Releitura de cartas lindas. Porto Alegre, porque no sábado é aniversário da mamãe. 37 anos comemorados de forma inédita. Chimarrão na redenção de manhã, tarde no zoológico de Sapucaia e noite de Sam's e pizzaria. Coca-cola. Gracinhas de Pedro serelepe, o maninho de 3 anos, olhos azuis e cabelos cacheados. Horário de verão pra me fazer confusa. Pijama de Torre Eiffel (presente de uma amiga queridona que sabe do meu afeto por Paris). Piratas do caribe 4 (de novo). Ônibus de domingo pra voltar ao lar. Companhia do super amigo Luan, que estava na capital por conta de uma prova militar. Portanto, a viagem encurtou uma hora e meia. Namorado Mr.Darcyano esperando na rodoviária. Enfim, casa. E Piratas do caribe 2 (de novo).


Lourdes Nunes Alves,

Imagem
Ontem foi aniversário da melhor Avó do mundo; a minha!

A vó é minha, mas eu empresto um pouquinho pra quem não tem, pra quem quer ter mais uma, pra quem vai amar também. Chegou na velhice, mas não é velha, é madura, experiente e linda.Me convida pra sentar e me conta suas histórias, me dá conselhos, me relata causos e piadas engraçadas.
Acho que aprendi bem com ela e ainda aprendo.
Ela é mãe, é vó e amiga. E está sempre ali quando preciso.É artesã e cozinha como ninguém. Ela borda bonecas, guardanapos e vida... E que vida!! é exemplo.Casou-se com um homem bom, amou apenas esse homem e me disse "Só se ama alguém assim uma vez."E tudo isso é lição pra mim.E apesar de todas as coisas já vividas, apesar de todas as pessoas já perdidas, apesar de todos os gostos e desgostos, é feliz.
Olhos e mãos cansadas, mas ainda é forte. Super-heroína.Abraço acolhedor e doces beijos.Sorriso lindo, de alguém que muito já falou, já ouviu e já viveu.
Não quero te perder nem e nunca, minha flor-de-mar…

Àqueles que precisam sorrir

Imagem
Eu não sou fã de chuva. Dias chuvosos não costumam ser tão agradáveis quando não se pode estar no conforto de casa, olhando-a pela vidraça da janela.
E aqui no sul, quando a chuva vem, traz com ela frio, umidade e gripe.
Mas eu aprendi a agradecer. Eu fico pensando lá no Sertão que anda sofrendo com os solos rachados. Cada casinha simples no meio de uma imensidão marrom, sem sombra, sem água fresca, só calor. Quando se encontra um sinal de água, é lama barrenta. Penso no olhar preocupado de uma mãe apoiada na janela de casa. Num pai sentado à porta com um chapéu de palha trançada vendo seu gado desfalecer. Penso no choro do bebê que não tem leite pra tomar.
Da janela do escritório eu vejo a bomba d'agua descer do céu. E mesmo que me seja desagradável, não serei insensível a ponto de não pensar sobre aqueles irmãos nordestinos que nesse mesmo instante tem outra visão de suas janelas. Pra mim é motivo de sorriso largo, acordar e ver o céu limpo, pra eles é um sinal de desesperança. Nuv…

Nian e Luci

Imagem
Enfim, o dia tão esperado, pelos noivos, pelos padrinhos e madrinhas, pelos amigos.
Que alegria em poder partilhar desse momento tão especial. E saber que os amigos lindos estão começando uma nova parte da vida com a certeza de um amor verdadeiro. E com a benção de Deus sobre seu relacionamento. O nervosismo e ansiedade pré-casamento valeram a pena, afinal, tava tudo lindo lindo. E posso dizer que foi uma honra ajudar a noiva a se vestir?
Os amigos queridos casaram..!


Repousando em campos verdejantes

É o medo que nos impede de mudar o mundo. É o medo que mantém nossas bocas fechadas quando sabemos que precisamos falar. É o medo que nos mantém sentados quando sabemos que devemos levantar. E é o medo que nos impede de dar tudo quando imaginamos se vamos ter de volta. Nós tememos o que pode acontecer, e o que não pode acontecer, nós tememos o que as pessoas vão pensar, e até mesmo o que nós mesmos pensamos. Estamos trancados numa gaiola de trepidação, mas nosso Príncipe nos providencia a chave que finalmente nos liberta da tirania da aprovação social, o depotismo do mal pressentimento, e a ditadura da insegurança - Ele nos providencia com ELE mesmo.
Uma jovem separada é marcada com a marca de Cristo. Ela possui uma plácida calma. Como um carvalho no meio de uma grande tempestade, ela permanece serena com as preocupações da vida. Ela possui uma confiança que é de outro mundo. Ela sorri nas dificuldades, ri nos desafios, e é destemida do pensamento de morrer. Ela não se …