Repousando em campos verdejantes

É o medo que nos impede de mudar o mundo. É o medo que mantém nossas bocas fechadas quando sabemos que precisamos falar. É o medo que nos mantém sentados quando sabemos que devemos levantar. E é o medo que nos impede de dar tudo quando imaginamos se vamos ter de volta. Nós tememos o que pode acontecer, e o que não pode acontecer, nós tememos o que as pessoas vão pensar, e até mesmo o que nós mesmos pensamos. Estamos trancados numa gaiola de trepidação, mas nosso Príncipe nos providencia a chave que finalmente nos liberta da tirania da aprovação social, o depotismo do mal pressentimento, e a ditadura da insegurança - Ele nos providencia com ELE mesmo.
Uma jovem separada é marcada com a marca de Cristo. Ela possui uma plácida calma. Como um carvalho no meio de uma grande tempestade, ela permanece serena com as preocupações da vida. Ela possui uma confiança que é de outro mundo. Ela sorri nas dificuldades, ri nos desafios, e é destemida do pensamento de morrer. Ela não se importa se o mundo aplaude seu viver, seus ouvidos estão ajustados ao céu enquanto ela ouve os cumprimentos do seu Príncipe.
Como separadas, nossa única paixão em cada momento de cada dia é se deleitar em nosso Príncipe. A lua poderia se tornar em sangue e as montanhas poderiam se desfazer no mar, mas nada pode nos separar Daquele que nos ama. O mundo pode temer, mas nós sempre descansamos no entendimento que mesmo nossa morte será uma porta até Sua presença
Leslie Ludy
 

Comentários

Mi ma disse…
Coisa mais linda do mundo!

Postagens mais visitadas